sábado, 9 de abril de 2016

Foice



Foi-se o tempo do respeito
Pessoas não se respeitam mais
Foi-se o tempo... Ficou para trás

Foi-se o tempo da honestidade
Pessoas honestas; raridades desiguais
Foi-se o tempo... Ficou para trás

Foi-se o tempo da virtude
Vende-se nos dias atuais
Foi-se o tempo... Ficou para trás

Foi-se o tempo da humildade
Os egos são colossais
Foi-se o tempo... Ficou para trás

Foi-se o tempo do amor
Morto. Cortado pela foice
Da ambição dos dias atuais

 

                               Daniel Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário